Agenesia dentária: quais as causas e como cuidar da saúde bucal?

3 minutos para ler

Você sabe o que é e como a agenesia dentária se manifesta nas pessoas? Apesar do nome difícil, a disfunção acomete muitos brasileiros e deve ser acompanhada de perto por um profissional dentista, já que pode implicar distúrbios sérios na saúde bucal.

Entenda agora os tipos do problema — que impede dentes permanentes de crescerem e se desenvolverem na arcada — e descubra as principais causas, como a genética, os traumas, as substâncias químicas e os fatores ambientais, que levam à agenesia.

Comece a leitura do artigo e tire todas as dúvidas sobre o assunto!

O que é agenesia dentária e quais são os tipos?

Apesar de não ser classificada como doença, a agenesia dentária se manifesta pela ausência de um ou de vários dentes na arcada. O problema acomete poucos pacientes, mas deve ser acompanhado pelo dentista, já que pode acarretar problemas sérios à saúde bucal.

De maneira geral, a agenesia unilaterial, apenas de um dos lados mas, pode ser em outros locais, também e os especialistas classificam a disfunção em três tipos:

  • hipodontia — ausência de menos de seis dentes permanentes;
  • oligodontia — quando faltam mais de seis dentes permanentes na boca;
  • anodontia — caso em que o paciente não tem dentes permanentes. 

O diagnóstico é feito, principalmente, com radiografias. A recomendação é para que crianças a partir de 5 anos sejam examinadas, a fim de que o problema possa ser reconhecido e tratado. Antes dessa idade, porém, a sequência de erupção dentária também pode indicar a agenesia.

Quiz InvisalignPowered by Rock Convert

Quais são as possíveis causas para o problema?

Até o momento, você sabe que a agenesia dentária é uma disfunção que acomete dentes permanentes, que não chegam a se desenvolver na arcada. Porém, a dúvida que fica em muitos pacientes é: como o problema ocorre? Para responder à questão, saiba que as causas podem ser várias, desde genética, infecções e até situações traumáticas.

Para especialistas, as causas da agenesia dentária geralmente têm a ver com a genética. A teoria envolve a combinação de genes específicos (chamados MSX1, AXIN2 e PAX9), que se associam a condição sistêmicas. Além da agenesia, essa carga genética também explicaria fissuras palatinas e displasia do ectoderma.

Por outro lado, há quem defenda que o problema seja causado por fatores externos, radioterapia, quimioterapia, infecções como sífilis e rubéola, uso excessivo de substâncias químicas e dependência de drogas.

Para o tratamento com a Ortodontia, há o aparelho fixo, ou, se o paciente rejeita o método convencional, temos o aparelho Invisalign®, facetas, coroa e até implante. Cada um na sua indicação. Por isso, cuide da higiene bucal, mantendo uma boa escovação, e faça visitas periódicas a um dentista que saiba qual a melhor opção para a agenesia dentária.

Neste conteúdo, você aprendeu sobre a agenesia dental, um problema que impede o desenvolvimento e o crescimento de dentes em algumas pessoas, seja por síndrome, seja por trauma ou seja por questões genéticas.

Para tratar os efeitos da agenesia dentária no seu sorriso, o melhor é contar com uma equipe preparada e procurar um consultório que ofereça tecnologia de ponta. Não espere mais: entre em contato com os especialistas da Odonto Condé e agende já a sua consulta!

Odonto Condé /Condé Invisalign

Doctor CROGO/EPAO 1587, RTCD

Dr. Alberto dos R Condé Jr

CROGO6411

Posts relacionados

Deixe uma resposta

× Gostaria de agendar uma consulta?