Saiba como tratar gengivas recuadas

4 minutos para ler

Muitas pessoas caem no erro de pensar que um sorriso bonito e funcional depende apenas de manter os dentes saudáveis, mas o fato é que a cavidade oral humana é formada por diversas estruturas diferentes, que precisam estar em perfeita harmonia. Pensando nisso, preparamos este conteúdo mostrando como tratar gengivas recuadas.

Esse é um problema extremamente comum e que pode trazer consequências sérias, sobretudo se não for abordado corretamente e se o paciente não contar com o conhecimento de um profissional de qualidade. Quer aprender mais sobre o tema? Então não deixe de conferir este post!

Afinal, o que são gengivas recuadas?

As gengivas recuadas ocorrem quando há uma retração desta estrutura ao redor dos dentes, podendo culminar na exposição da raiz. Tal situação pode ocorrer por diversos motivos, como, por incrível que pareça, o uso inadequado do aparelho ortodôntico, sobretudo quando a utilização é muito prolongada ou há alguma falha técnica.

Existem outras razões que são frequentes causas de retração gengival nos consultórios de todo o mundo, como o acúmulo de placa bacteriana por um tempo considerável, mal posicionamento dentário, o próprio avanço da idade, genética, bruxismo, traumas, força demasiada na escovação ou no uso de fio dental, entre outras.

Por que gengivas recuadas são um problema?

Não é difícil supor que a raiz para fora do osso é algo prejudicial, uma vez que há exposição de uma estrutura tão nobre e delicada, o que pode levar até à perda dentária. Além disso, não podemos deixar de citar que há uma questão estética importante, visto que o sorriso pode perder boa parte a sua harmonia e consonância.

Esta situação também favorece o acúmulo de alimentos, o surgimento de quadros dolorosos no local, o aparecimento de cáries, hipersensibilidade dentinária, abração, erosão radicular e até mesmo de outras doenças nas gengivas. A boa notícia é que, com um profissional de qualidade, é possível impedir a progressão da retração ou recobrir as raízes dentárias expostas com enxertos.

Quiz Invisalign

Como tratar as gengivas recuadas?

O primeiro passo para tratar as gengivas recuadas é procurar um profissional experiente, que faça o diagnóstico correto e possa propor o tratamento indicado, isto é, que saiba o que está fazendo. O uso de um aparelho ortodôntico adequado pode devolver a raiz para dentro do osso, sobretudo se você optar por alternativas mais modernas, como o Invisalign, mas, embora ele tenha os recursos biomecânicos mais modernos no mundo, se o dentista não souber trabalhar com essa tecnologia, então, de nada vai adiantar.

Você também precisa fazer a sua parte e uma escovação adequada e o frequente uso do fio dental é muito importante. É preciso tomar cuidado com o excesso de força e utilizar produtos de marcas reconhecidas, removendo a placa bacteriana e o tártaro, de forma a reestabelecer a sua saúde bucal.

Agora que você já sabe o que são gengivas recuadas, caso você desconfie sofrer do problema, é essencial visitar um profissional especializado, que pode ajudar na identificação das causas e indicar o tratamento adequado. Você pode visitar o Instagram do Dr. Alberto Condé para maiores informações!

Gostou de aprender mais sobre as gengivas recuadas? Quer marcar uma consulta com quem realmente tem o conhecimento para avaliá-lo? Então não perca mais tempo e entre em contato conosco!

Condé Invisalign Doctor / Odonto Condé / CROGO/EPAO 1587, RTCD

Dr. Alberto dos R Condé Jr

CROGO6411

Posts relacionados

Deixe um comentário

× Gostaria de agendar uma consulta?